segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Atraso não tira brilho do Tim Festival

O show que tinha previsão para começar às 18 horas teve início por volta das 19:30, atraso já costumeiro em festivais como esse, me lembro do Tim Festival e do Claro que é Rock de 2005 os quais estive presente e também passei pelo problema de esperar mais do que o esperado pelo início dos shows.

O Spank Rock sobe ao palco e com percussão e aparelhagem eletrônica inicia a noite do Festival com seu hip hop. Logo em seguida sobe ao palco o Hot Chip porém por volta de 20:30 uma pane na aparelhagem de som interrompe o show por cerca de 10 minutos até que alguns equipamentos sejam trocados, a banda retorna ao palco e agita bem o público que estava apenas começando a noite, ao término do show ainda concluem que São Paulo foi melhor que o Rio de Janeiro.

Após o Hot Chip sobe no palco a cantora Bjork, com um cenário super produzido e uma enorme banda, ela trouxe o show da turne de seu novo álbum "Volta", com seu estilo ímpar a cantora fez seu papel no show, para quem gosta da carreira da cantora valeu a pena.

Em seguida a atriz e cantora Juliette Lewis sobe ao palco com seu Juliette and the Licks, com seu penacho na cabeça e um visual que parece um misto de motoqueira com viajante espacial ela contagia o público e no meio do show já sem metade de seu figurino ela fez até quem não conhecia direito seu trabalho se empolgar com sua energia no palco e esquentar para as duas próximas atrações que fechariam a noite. Vale ressaltar a tentativa de ganhar o público cantando com uma bandeira do Brasil nas costas, meio clichê já artista internacional chegar aqui e abraçar nossa bandeira, fica difícil saber até que ponto isso é sincero.

Já passava das 2 da madrugada quando o Arctic Monkeys pisou no palco da Arena do Anhembi, provavelmente a banda mais esperada da noite não decepcionou seus fãs, mostrando que um som empolgante não precisa de presença de palco para contagiar o público, tendo em vista que os integrantes da banda parecem estátuas em cima do palco e mesmo assim mais de 20 mil pessoas não pararam em nenhum instante, o show foi bem dinâmico, muitas músicas e pouco falatório, os hits da banda eram tocados um após o outro assim com pouco mais de uma hora eles tocaram quase todos os hits de seus dois cds, como I Bet You Look Good on the Dancefloor, Brainstorming, From the Ritz to the Rubble entre outras, para quem esperou até a madrugada pela apresentação com certeza não saiu decepcionado.



Eram 4 da manhã quando o The Killers última atração da noite, que já estava quase se transformando em dia, começou seu show, o cenário do palco muito exagerado e vaias talvez pelo atraso de 3 horas são o primeiro impacto do show, porém o que se vê daí em diante é uma banda que sabe levar muito bem seu público, todos cantando músicas como Mr. Brightside, Somebody Told Me e Hot Fuss junto com a banda. É de se admirar que após quase 12 horas, tendo em vista que muitas pessoas chegaram na Arena do Anhembi por volta de 4 e 5 da tarde, o público ainda tivesse disposição e ânimo para premiar a banda com a explosão de energia que tiveram durante todo o show.

No geral o Tim Festival não decepcionou quem foi lá para assistir essas novas bandas do cenário rocker mundial, porém ir para um show que tinha previsão de terminar 2 no máximo 3 da manhã e sair de lá às 6 horas nem sempre é muita agradável, ainda mais se tratando de um domingo onde grande parte das pessoas que estavam lá tinham que ir trabalhar ou estudar logo após o show.

2 comentários:

Rafael disse...

Como pode me insatisfazer o horário do show foi super despontual, prejudicou a todos que estavam ali até o último show...
Outra coisa que pecava era as bebidas que eram caras! A boa sugestão da noite foi uma cervejinha acompanhada de pizza, e depois para a janta, um dog e um açai que de longe estava muitissimo bom e salvou o cansaço


mais citando um pouco de cada banda; o spank rock, entrou no palco agitando, musica dançante pra caramba nunca tinha ouvido e curti dança-la.

Ao Hot Chip, quando entrousuper psicodélico agitando todos dançando numa vibe só! ~~~~~~~
No meio do show o vocal principal solto: "no rio essa merda tava melhor" em ingles, mais como a maioria do evento desprovia de grámatica expressiva expanssionesta literária inglesa, todos gritaram 'uhhuuuuu' de alegria. Ai eles sairam e voltaram rapidamente, como ninguem falou o que aconteceu achei que era uma pausa que a banda tinha feito..
SHOW BOM EMPOLGANTE!!!!

Show da Bjork, como principal atração da noite foi um desastre, a maioria da platéia sentou, outros foram ao banheiro ora mijar/ora beber agua, pois ressaltando os preços das bebidas....
enfim o palco dela parecia uma macumba, ela era uma macumba! só os fãs fervorosos ficaram de pé a admirar.
O show pecou com a noite com a demora que se tinha para montar o palco e desmonta-lo.

Show da Julliet representou na noite melhor presença de palco de todas as bandas!!! Todos da banda muito animados, principalmente a Julliet, que usa dons teatrais para conquistar a plateia!
acho que só pecou no cliche, e no que ela não estava descalça!

O show do Arctic Monkeys (sim o mais esperado por toda a plateia), foi o que fez todo mundo cantar em coro unido sua cações, eles sem expressões foram mal compreendidos, por algumas pessoas, que não perceberam que todos estavam "barely drunk"
Resultado do show pra mim o mais satisfatório, banda totalmente introsada, mesmo não sóbria, agradou os rockeiros de platão do tim.

depois de todo o cenario do segundo cd do Killers, "Sam's Town" pronto, começa o show que mais energizou as pessoas que agitaram seus corpos sem parar as 5 da manha! A banda ganha no entrosamento com o público.

depois foi um abraço cheguei em casa de metro as 6:40 da manha tendo que acorda as 9:00 da manha!

Rs...

Só acordei 12:00!

Camera de flaga: Eu vi o Rafa ex-VJ da mtv com sua namorada magrelinha com cara estranha, o ex guitarrista da Pitty. O Cayki Brito e sua irmã ninfeta, e a mais famosa e conhecidas por todas a sr Maryjuana.

( ;

Anônimo disse...

http://www.theclock.com.br/index2.html?gclid=CMCrgI6OuY8CFReQGgodV0hycg